Apoema Arte
Apoema Arte

Código 0370P20062

Autores: Auber Bettinelli, Camila Carrascoza Bomfim, Stella Ramos, Talita Vinagre e Tiago Luz de Oliveira

Apoema Arte convida alunos e professores a se aproximarem da diversidade de linguagens e produções da arte de forma leve e clara, apresentando obras e artistas de diferentes suportes e linguagens lado a lado. O foco da obra é, mais do que criar uma cronologia, estabelecer diálogos entre modos de ler e entender arte, apresentar diferentes possibilidades de produção e fruição nesse campo, assim como incluir os repertórios imagéticos de alunos e professores como agentes participantes dos processos de leitura dessas imagens.

Folheie o catálogo

Diferenciais da coleção

  • A coleção Apoema Arte foi elaborada com a proposta de buscar um diálogo com o aluno, propiciando troca de ideias em sala de aula, possibilita que o aluno organize sua argumentação, construa um pensamento, reflita sobre suas conclusões e tenha um aprendizado permanente.
  • Os autores buscam também fortalecer o papel do professor como provocador de novos conhecimentos, mediador e articulador de diálogos e debates, e não somente como detentor de conhecimento. Assim, pode-se fomentar nos alunos a experimentação e a busca de expressão pessoal por intermédio de observação, investigação reflexiva e processos de criação.
  • Os livros oferecem subsídios, sugerem práticas e propõem alternativas que podem ser adaptadas às diversas realidades brasileiras.
  • A coleção Apoema Arte traz um repertório conceitual e imagético entre arte contemporânea e popular, abrangendo, numa perspectiva ampliada e não cronológica, os diversos movimentos artísticos, por meio da história da arte.
  • A coleção está dividida em quatro livros, ou seja, um direcionado para cada ano do Ensino Fundamental II, apresentando as quatro linguagens da Arte em diálogo com grandes temas e relacionadas ao desenvolvimento integral do sujeito. Desse modo, os livros contam com a seguinte configuração:
    6° ano: Eu como Sujeito – a descoberta de si como parte de uma coletividade;
    7° ano: Eu e o Outro: diversidades – a experiência de interagir e construir dentro de uma comunidade;
    8° ano: Construções Coletivas no Espaço/Tempo – a compreensão do espaço que se habita e ocupa;
    9° ano: Transformação – a percepção de si como sujeito construtor e transformador da realidade.
  • Um CD de áudio acompanha cada volume da obra, garantindo ao aluno conhecer inúmeros sons musicais e não musicais, além de músicas de diversos gêneros, ampliando seu conhecimento e sua capacidade de audição.
  • Cada volume é composto por cinco Unidades: quatro delas são individualmente direcionadas para cada linguagem da arte (Artes Visuais, Teatro, Dança e Música) e a outra, Artes integradas, apresenta as manifestações culturais de todo o Brasil.
  • As aberturas de unidades são compostas por imagens que introduzem o tema que será tratado e pela seção Partida, que traz o percurso de experiências e aprendizagens que serão apresentadas ao longo da unidade.

Novidades da coleção

  • Expõe diversas expressões de modo não cronológico, relacionando-as por meio de conexões que favoreçam a reflexão e o senso crítico do aluno.
  • Apresenta obras e artistas de diferentes suportes e linguagens visuais lado a lado, estabelecendo diálogos entre modos de ler e entender arte.
  • Busca apresentar a diversidade da produção de artistas brasileiros a fim de colocá-los em diálogo com produções de outros lugares, propiciando ao aluno discutir sobre identidade sem perder a oportunidade de conhecer e aguçar o olhar para o que se produz em outras culturas.
  • A aprendizagem do Teatro dialoga com o ambiente escolar em diferentes níveis, convidando o aluno a perceber-se capaz de se conectar por intermédio de uma linguagem artística com outros seres humanos.
  • Procura trazer grupos e coletivos de todas as regiões do país, como reflexo da nossa diversidade territorial e cultural e também para que estudantes de todo o Brasil possam identificar-se com práticas e questões da sua região e estabelecer relações com outras, diferentes da sua.
  • Utiliza a ferramenta de jogo teatral, sistematizada por Viola Spolin (1906-1994) e amplamente empregada de modo artístico e pedagógico, colocando o foco na ação, no aprendizado pela experiência. A escolha pela estrutura dos jogos teatrais pretende oferecer um ambiente de imersão à turma, desenvolvendo as habilidades e a disponibilidade necessárias para o fazer teatral e o trabalho coletivo.
  • A metodologia da Dança baseia-se nas intenções e qualidades de cada movimento, as quais caracterizam diferentes tipos de esforços. Com base nos fatores de movimento da teoria de Rudolf Laban – peso, tempo, espaço e fluência –, os autores criaram algumas variações de intensidade ligadas ao peso (firme/suave), à acentuação ligada à fluência (contido/contínuo), ao ritmo ligado ao tempo (rápido/lento) e à ocupação do espaço (direto ou flexível). A maneira como cada estudante utilizará individualmente esses fatores deve ser igualmente considerada, por também fazer parte de sua personalidade.
  • A linguagem do movimento também é fundamental para o aprendizado em Música, e o domínio do gesto auxilia no fazer musical. Busca fomentar o questionamento sobre a questão sonora na atualidade, uma vez que a audição tem sido sistematicamente modificada na contemporaneidade. As práticas musicais e auditivas têm a função de cultivar múltiplas escutas, nas quais a diversidade musical é intensa, e podem ampliar os horizontes dos estudantes.

Faça o download do material audiovisual de apoio

Degustação das Obras

Material digital para o professor

Videoaulas

Material Audiovisual

  • 16 Recursos Audiovisuais. Confira amostras:

6º ano | Os sons das pessoas e das coisas

7º ano | Criando um personagem

8º ano | Apropriações do espaço

9º ano | A teatralidade no dia a dia

Planos Bimestrais

Material de apoio em formato PDF

  • 48 Sequências Didáticas
  • 16 Projetos Integradores
  • 161 Atividades de Avaliação
  • 16 Planos de Desenvolvimento Bimestrais